02/10/2008

Ai, penicilina cura até defunto
Ai, petróleo bruto faz nascer cabelo
Mas, ainda está prá nascer um doutor
Que cura dor de cotovelo, ai, ai, ai
Desde os tempos de Adão,
Essa dorzinha infernal...
Foi comer maçã,
Logo que comeu,
O cotovelo doeu!
Marchinha de carnaval (de Klécius Caldas e Armando Cavalcanti)

Nenhum comentário:

Postar um comentário