15/12/2012


 
 
O que não me contam, eu escuto atrás das portas. O que não sei advinho e, com sorte, você advinha sempre o que, cedo ou tarde, acaba contecendo.
 
 
DALTON TREVISAN,  em  Novelas nada exemplares.

6 comentários:

  1. o vampiro de curitiba era fodaço.
    eu gostava e gosto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ele "era" e É: fodaço!!!

      beijão, Roberto

      Excluir
  2. MUY CIERTO. TODO TERMINA SUCEDIENDO. NO HAY COMO OMITIRLO.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Y todavia seguimos omitindo, ReltiH,
      desgraciadamente!!

      un abrazo

      Excluir
  3. Adorei a imagem do cabeçalho. Saõ sempre muito lindas e sgestivas. E o que não me contam,,,eu quase sempre adivinho tb...rs
    Beijos, Ci

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tens uma sensibilidade à flor da pele,
      Tânia! E se nos olhássemos com franqueza
      talvez não nos surpreendéssmos tanto :)

      Há momentos que sinto uma enorme vontade
      de viver numa casinha dessa que está lá
      no alto do cabeçalho :)

      beijoss

      Excluir