01/04/2016

Desmemória


 
 
Esquecemos há muito tempo, o ritual segundo o qual foi edificada a casa de nossa vida. Mas quando é preciso tomá-la de assalto e começam a cair as bombas inimigas, quantas lembranças descarnadas e estranhas descobrimos
entre as fundações!
 
 
Walter Benjamin, filósofo alemão, (1892-1940), em Rua de mão única.

3 comentários:

  1. UFFFFFF TREMENDO TEXTO!!!!
    ABRAZOS

    ResponderExcluir
  2. Tão certo este pensamento! Só damos o verdadeiro valor ao que temos depois que perdemos tudo. Beijinhos, amiga e um bom domingo
    Emilia

    ResponderExcluir